Amar, amor

Imagem Enquanto você sussurrava o primeiro – e mais importante – eu te amo, o meu mundo parou por um instante. A euforia se apoderou de todo o meu corpo, enquanto meu coração batia em ritmo acelerado, descontrolado, ofegante. Um sorriso instantâneo criou em meu rosto, e posso te dizer com certeza que foi um dos mais sinceros e inesquecíveis.

Nunca imaginária dois meses atrás que iria conhecer meu primeiro namorado. Muito menos iria achar alguém que fosse tão perfeitamente feito para mim. Sempre fui apaixonada por você e não sabia… Eu fui apaixonada por seu sorriso, pelo jeito que você ajeita meu cabelo quando venta, quando me oferece sua jaqueta quando cruzo os braços de frio, ou quanto me beija carinhosamente.

E é por isso que eu amo me surpreender. Você apareceu tão do nada, e tão de repente que me sinto a pessoa mais sortuda do universo. Não sei quanto tempo vai durar o “nós”… dias, semanas, meses ou anos. Mas se tudo continuar com a intensidade do agora, eu escolheria o para sempre…

Instante

E lá estava, imóvel. Era difícil imaginar como um brincalhão e hiperativo como ele, poderia permanecer tão concentrado. Seus olhos se encontravam com o meu, e nesse instante tudo desaparecia. Aquele olhar. Os olhos cor de mel, o motivo do meu pouco, quase nulo, entendimento sobre o que é amar. E o motivo da minha insônia. Passava horas rolando na cama, com meu fone de ouvido no volume máximo na inútil tentativa de tentar desviar meus pensamentos para o futuro que eu não queria que acontecesse.

A notícia veio por telefone: “Amor, passei no vestibular, eu consegui!” Em meio a choro, sorrisos, comemorávamos devido ao esforço que ele havia feito pelo seu sonho, a ficha caiu: Medicina em uma das faculdades mais concorridas do país. O problema? 900 km que separam a faculdade da cidadezinha interiorana em que moro. 900 km que afastam do meu pedacinho de conto de fadas, de porto de seguro, da minha felicidade.

Malas despachadas, e o anúncio de embarque final. Seus lábios…beijo exigente, melancólico, beijo de despedida…abraço apertado,  e um eu te amo sussurrado selava assim a experiência do meu primeiro amor.