Valorizar

Não, esse não vai ser um texto para você, leitor, dar um “UP” na sua estima, amar-se em primeiro lugar. Vou tentar através dos meus pensamentos embaralhados, tentar colocar de forma ordenada o que venho pensando esses dias que se passaram.

Valorize quem te ama. Sabe aquela frase de que a saudade não é suficiente para trazer alguém de volta? Ela é extremamente valida. E não se trata necessariamente daquele amor, o amor carnal, o amor sexual. Isso se trata do amor de amigo, pai, mãe, irmão, avô, avó, primo, tio… substituímos tanto tempo preocupados por supérfluos alheios, por problemas dramatizados a toa, em vez de agradecer a quem estende a mão nas horas mais difíceis.

Brigamos por motivos idiotas, discutimos por meros detalhes…diariamente, e os “eu te amos”, “obrigado por tudo”, acabam por ficar na frequência semanal, mensal, anual. Se por um instante pararmos para pensar quantas formas de morrer existe por ai, talvez daremos em conta de como poderemos perder essas pessoas em apenas uma estralo de dedos, e com ela todos os sentimentos guardados quem deveriam ter sido expostos.

Então, vou propor algo para você que leu até o final. Coloque no seu dia mais obrigados, eu te amos, pode contar comigo sempre, e menos cala boca, não fala mais comigo. Porque já dizia Chico Buarque: “Que saudade é o pior tormento, é pior do que o esquecimento, é pior do que se entrevar…”