Desconhecido

desconhecido

De todas palavras aqui traçadas, poucas foram endereçadas a mim. Me encontro nos subterfúgios da própria solidão e em consciência de minha lucidez, prezo pela desalinho dos meus pensamentos e a inacessibilidade de expressa-los em um papel em branco.

Gosto de colisões. Minha faceta masoquista coincide com a racional. Me compreendo mais ao andar pelas curvas e precipícios do que ao andar em linha reta. Sistematicidades são monótonas e maçantes. Ainda que me condenem por isso, penso em mim. Seria eu infame por isso?

Se me escondo em palavras, caricaturas e conotações, me exclamo e me dispo em minha mente. Sem as realidades distorcidas no papel de amores mal resolvidos e diálogos que nunca foram concretizados.

Deixe sua opinião :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s