Estranha

estranha

 Queria poder me sentir menos… estranha. Paro por um tempo, e nesses milésimos de segundo, penso que sou manipulada por um construtor de bonecos que por sadismo me colocou em um ambiente que não me é natural. Seria exagero me permitir me encontrar? Encontrar um pouquinho de mim nos outros… nos gostos… nos jeitos… manias… opiniões. Queria poder sair um pouco dessa vida monótona e me aventurar em alguma cidade que possua muito mais que algumas baladas e shoppings. Alguma cidade que a biblioteca esteja lotada. E os ingressos para algum teatro diferente seja a atração da noite. Que existam alguns barzinhos alternativos que tocam MPB, bossa nova, indie e rock. Queria me achar lá, e alguns amigos que pensam como eu também. Será que um dia eu vou me sentir tão menos… estranha?

Deixe sua opinião :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s