Imagem

Se existe alguma sensação que eu seja completamente vulnerável é de amor platônico. É uma sensação tão bobinha, mas que consome todas as suas energias, e te deixa vibrando, com o coração acelerado.

E um das minhas paixões platônicas é de ser fã de uma banda. Eles anunciaram ontem a turnê aqui no Brasil, e mesmo sem ouvir uma musica dele nos últimos anos, ainda tenho a mesma sensação de três anos atrás, quando colecionava textos, fotos, pôsters, e fazia cartas gigantes.

É uma das melhores sensações, e uma das mais gostosas… Para mim. O gostinho de quero mais é surreal, e o ciúmes demasiado foi diminuindo até chegar a escala zero. E como diria T. Xavier: “O amor platônico é como uma borrifada de ar quente. Sopra no nosso coração, queima nossa pele e depois se esfria.” Isso é ser fã. A sensação de ter admiração, carinho, respeito e paixão por alguém que não faz ideia da sua – mera – existência.

Deixe sua opinião :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s