Como fazer sua mesada durar

Imagem

Parece até rotina. Todo começo de mês vem a suada mesada (se comportar todo mês pelo dinheiro não é fácil) e em um final de semana ela acaba? Tá na hora de rever isso. Sou meio (bastante) psicótica com dinheiro, e adoro uma organização, então criei 10 regrinhas básicas para que seu dinheiro renda e você consiga riscar da sua wishlist todos os seus desejos. Prontas?

1- Não adianta achar que você faz parte do Mulheres Ricas e achar que pode comprar todo o shopping… Olhar uma vitrine cara e não poder comprar é sabotar você mesmo. Passe longe!

2- Não faça nada se estiver sem tempo. Geralmente ficamos apressadas e não olhamos alguns detalhes que farão sua nova aquisição ficar empoeirada no guarda roupa.

3- Programe-se: Antes de gastar o dinheiro aleatoriamente pare um tempo no seu guarda-roupa e banheiro e repare bem no que você precisa.

4- Separe seu dinheiro previamente antes de fazer compra para não se arrepender depois. Por exemplo: Você ganha sessenta reis de mesada? Separe quinze reais para algum produto de cabelo, vinte para uma rasteirinha, e vinte para uma blusa em uma fast fashion.

5- Decidiu o que precisa? Pesquise! Nada de se preocupar com marca. O que é a etiqueta se a roupa valoriza seus pontos negativos? Experimente sem medo todas as lojas que possuem o que você está procurando. E não precisa nem ir em loja em loja. A internet tá ai para isso.

6- Guarde 10% da sua querida mesada na sua poupança. Não sabe o que é poupança? O G1 explica: É a rentabilidade é de 0,5% ao mês mais a variação da TR (Taxa Referencial). Acha pouco? Qualquer dinheiro extra no nosso bolso tá valendo!

7-  Nossos melhores amigos: Desconto e liquidação! Sempre que for pagar insista por um desconto! Geralmente as lojas costumam dar cinco a dez por cento para os consumidores avisados. Mas obviamente se você não questionar, o atendente não vai abrir mão de uns reais a mais na sua comissão, né?

8- Antes de comprar, dé uma pensada se você gostou mesmo, se vai usar, e quais oportunidades ela vai servir, se o preço é condizente com a qualidade e a beleza da roupa.

9- Garimpar é o caminho. Toda loja tem algo legal nela. Só basta procurar! Então, dê mais uma chance para aquela lojinha no centro.

10 – Faça você mesmo! Achou aquela blusa toda rasgada demais só que ela está cara? Apele para o faça você mesmo. Vários canais e blogs ensinam como tornam uma peça básica em uma exclusiva e super estilosa. Vale a pena!

Bem, é isso leitoras. Vale lembrar que como administrar seu dinheiro é muito importante para o nosso futuro.  Espero que as dicas deem certo e vocês consigam aproveitar um pouco mais o mês de vocês sem dor de cabeça!